• Assinantes
  • Autenticação
  • Educação

    Marcos David, novo reitor da UFJF, fala dos planos para os próximos anos

    Lucas Soares
    Repórter
    7/05/2016

    Em 2014, a chapa encabeçada por Marcos David (foto ao lado) ficou em segundo lugar nas eleições para a reitoria da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). Quase dois anos depois, o professor da Faculdade de Administração e Ciências Contábeis voltou a se candidatar, após renúncia de Júlio Chebli em dezembro de 2015, e foi eleito com 57,2% da preferência da comunidade acadêmica, tendo vencido em todos os setores nas eleições de fevereiro deste ano.

    Com a chapa "Reconstruir a UFJF", Marcos garante que a necessidade dentro da universidade é de mudança. "A comunidade universitária, por meio dessa votação dos três segmentos, demonstrou esse sentimento, de confiança no projeto de reconstrução da UFJF em termos de transparência de gestão, de participação coletiva nas definições dos rumos da instituição", explica.

    A posse oficial como reitor aconteceu no dia 15 de abril, durante cerimônia realizada no Cine-Theatro Central. Nos primeiros dias de administração, Marcos explica que a UFJF precisa de atenção em vários setores e que, por conta disso, está sendo feito um estudo. "Neste momento estamos finalizando o relatório da situação da universidade para apresentarmos para a comunidade em geral, onde vamos ter a oportunidade de compartilhar tudo o que levantamos na transição de gestão e dentro do compromisso que assumimos de transparência", diz.

    Ao longo da campanha, o novo reitor prometeu manter um diálogo aberto com os estudantes. Ele garante que isso já está acontecendo. "Isso já está materializado com a participação intensa dos estudantes na discussão sobre o edital que lançamos de bolsas de apoio estudantil, de forma continuada. Estamos firmemente comprometidos com esse propósito de diálogo constante com os três segmentos", garante.

    Segurança

    Outro ponto de preocupação da comunidade acadêmica é em relação à segurança do campus em Juiz de Fora, já que os crimes de roubos têm aparecido com mais frequência no noticiário local. Segundo David, essa é uma das prioridades da nova reitoria. "Vamos anunciar em breve várias medidas que já estão sendo tomadas. Também estamos com o Fórum de Segurança que será implementado. A violência é uma preocupação de toda a sociedade em geral e a UFJF não fica fora deste contexto. Estamos agindo e vamos divulgar em breve para a imprensa e comunidade em geral", afirma.

    Ações afirmativas

    Alvos de críticas da Câmara Municipal de Juiz de Fora e por parte da sociedade conservadora, os programas elaborados pela Diretoria de Ações Afirmativas, como o "Libera meu xixi", também terá um trato especial por parte de David. "Vamos ampliar ainda mais as ações da diretoria, inclusive com a criação da Ouvidoria Especializada, cuja criação será apreciada pelo Conselho Superior", fala.

    Obras

    Por fim, Marcos David foi questionado pela reportagem sobre a situação econômica da UFJF, das obras em andamento e previsão de término. Para as três perguntas, o reitor afirmou que será apresentado um relatório completo do quadro financeiro da UFJF ao Conselho Superior e diversos setores para, a partir daí, definir as prioridades em relação as obras inacabadas.

    Perfil

    Marcus David é doutor em Administração pela Universidade Federal de Lavras. Formou-se em Economia pela UFJF em 1988 e, no ano seguinte, se graduou também em direito, pelo Instituto Vianna Júnior. Em 1994, obteve o título de mestre em Administração pela UFRJ e iniciou sua carreira como professor da UFJF na então Faculdade de Economia e Administração, em 1997.

    É professor associado do Departamento de Finanças e Controladoria da Faculdade de Administração e Ciências Contábeis e docente permanente do Programa de Mestrado Profissional de Gestão e Avaliação da Educação Pública da UFJF.

    Na Universidade, ocupou vários cargos administrativos e esteve à frente da direção da Faculdade de Administração e Ciências Contábeis entre 2010 e 2014. Foi pró-reitor de Administração, pró-reitor de Finanças e Controle, diretor Financeiro e ainda presidente do Conselho Diretor da Fundação de Apoio e Desenvolvimento ao Ensino, Pesquisa e Extensão (FADEPE). Desempenhou também as funções de chefe do Departamento de Finanças e Controladoria.

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Publicitário

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.