• Assinantes
  • Autenticação
  • Educação
    Segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010, atualizada às 18h

    Concurso público para recenseadores oferece mais de 500 vagas para Juiz de Fora e região

    Aline Furtado
    Repórter

    O período de inscrições para a seleção de recenseadores do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) começa a partir desta sexta-feira, 26 de fevereiro. O concurso público vai disponibilizar mais de 500 postos temporários para a cidade e a região. Deste total, 358 postos serão destinados a Juiz de Fora.

    As inscrições para o processo seletivo poderão ser feitas até o dia 19 de março nos postos de atendimento ou até dia 4 de abril pela internet. Os candidatos devem ter concluído o ensino fundamental e serem maiores de 18 anos. A duração prevista do contrato de trabalho é de dois meses. A previsão é de que a coleta de dados tenha início no dia 1º de agosto e os primeiros resultados do XII Censo Demográfico sejam divulgados no mês de dezembro.

    Os selecionados passarão por duas semanas de treinamento, que envolve o manuseio do equipamento utilizado para a coleta de dados. "A contratação só será efetivada caso os participantes sejam aprovados durante este treinamento", afirma a chefe da Agência IBGE em Juiz de Fora, Fernanda Gomes.

    De acordo com Fernanda, a cidade é dividida em centenas de setores, sendo que cada um deles compreende aproximadamente 300 domicílios. "O recenseador fica responsável por aplicar uma média de questionários por dia. Ao final da semana, os dados coletados com a ajuda de um computador de mão equipado com GPS são apresentados à central." Desta forma, não é necessário cumprir horário determinado, cabendo ao trabalhador definir o horário de visitação às residências.

    A pesquisa envolve dois tipos de formulários. O básico, que incluiu aproximadamente 20 perguntas, e o formulário da amostra, com mais de 100 perguntas. O número de questionários a serem aplicados diariamente por cada recenseador ainda não foi definido. A remuneração varia de acordo com a produtividade. "O diferencial para este trabalho é a determinação. Quem se dedica mais, acaba produzindo mais e recebendo mais também."

    Os textos são revisados por Madalena Fernandes

     


    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.