Lucas Soares Lucas Soares 6/07/2015

A briga nas redes de Corinthians e Flamengo

Na última segunda-feira, 29 de junho, um post no Facebook oficial do Flamengo gerou revolta em torcedores rubro-negros e corintianos. Ao colocar uma imagem da arquibancada do Maracanã com os dizeres "Eu nunca vou te abandonar", frase eternizada pela torcida corintiana após a queda à Série B em 2007, a imagem despertou a ira das duas maiores torcidas do Brasil e travou uma "batalha virtual", com direito à respostas de ambos os lados. Veja o post que originou a "briga".

Porque eu sou Flamengo ontem, hoje e SEMPRE!

Posted by Clube de Regatas do Flamengo on Domingo, 28 de junho de 2015

Só que o Rubro-Negro errou feio nessa. Muito feio. Primeiro porque a torcida do Flamengo tem várias frases de impacto que poderiam ser utilizadas em situações dramáticas como está em que se encontra o futebol do clube. Segundo porque, além de tudo, ela anda falhando muito com o clube a média de público não vem agradando os dirigentes (muito por conta dos altos valores cobrados em ingressos). Mesmo com palcos maiores do que os que o Corinthians joga (essencialmente Maracanã e Engenhão x Pacaembu e Arena Corinthians), a Nação Rubro-Negra ficou atrás em média de público nos últimos sete anos!

A briga seguiu com uma resposta corintiana que desarmou os rubro-negros. Mesmo com superioridade flamenguista em número de torcedores, segundo todas as pesquisas feitas no Brasil, isso não se traduz em presença no mundo digital. O Corinthians ganha do Flamengo em tudo quando se fala de internet e, em uma discussão dentro desse universo, o que vale são os números. Veja a resposta do Corinthians.

As pesquisas e a teoria podem até falar que não, mas a prática mostra que a Fiel é a maior do Brasil! Boa noite a corinthianos e flamenguistas.#AquiéCorinthians

Posted by SC Corinthians Paulista on Segunda, 29 de junho de 2015

Passado isso, o Flamengo desistiu de responder. Talvez por ter perdido o argumento, o "fio da miada" ou chegado a conclusão de que não valeria a pena entrar em uma discussão sem razão e na qual certamente perderia. "Se apropriar" de uma frase dos caras foi o mesmo que cantar uma música dos rivais do Rio. Eu, como flamenguista, fiquei p*** da vida com esse post.

Fazendo uma analise mais a fundo ainda, o twitter Marketing Esportivo (@mkt_esportivo), referência na área digital, falou algo que vem sendo assunto durante a semana. Como o rubro-negro destoa das outras equipes no Facebook, mesmo com incríveis 9,8 milhões de curtidas. Veja o que eles disseram:

Nas respostas, torcedores que se identificam como publicitários, marketeiros e profissionais da área também se mostraram indignados com a forma como estão sendo conduzidas as redes sociais rubro-negras na internet. Não é fácil lidar com a paixão de milhões de torcedores nas redes sociais. Queria saber qual o alcance dessas postagens e avaliar qual porcentagem que são atendidos com os likes. A direção se mostra satisfeita? Não sei, mas a cobra deve ter fumado lá na Gávea depois desta confusão digital.

Em tempo, um clube do tamanho do Flamengo realmente merece um social media mais qualificado para a função. Ou que, pelo menos, não "force" curtidas absurdas de um público cada vez mais esperto e necessitado por informações. Que tal pegar umas dicas com a Prefeitura de Curitiba?


Lucas Soares é natural de Juiz de Fora, jornalista formado pelo Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora em dezembro de 2012 e pós-graduado em Jornalismo Multiplataforma na Universidade Federal de Juiz de Fora. Apaixonado por futebol, repórter no portal Acessa.com e Editor-chefe do blog Flamengo em Foco. Já atuou em veículos impressos da cidade e como assessor de imprensa na PJF e na Câmara Municipal.

-
Lucas Soares Lucas Soares 6/07/2015

A briga nas redes de Corinthians e Flamengo

Na última segunda-feira, 29 de junho, um post no Facebook oficial do Flamengo gerou revolta em torcedores rubro-negros e corintianos. Ao colocar uma imagem da arquibancada do Maracanã com os dizeres "Eu nunca vou te abandonar", frase eternizada pela torcida corintiana após a queda à Série B em 2007, a imagem despertou a ira das duas maiores torcidas do Brasil e travou uma "batalha virtual", com direito à respostas de ambos os lados. Veja o post que originou a "briga".

Porque eu sou Flamengo ontem, hoje e SEMPRE!

Posted by Clube de Regatas do Flamengo on Domingo, 28 de junho de 2015

Só que o Rubro-Negro errou feio nessa. Muito feio. Primeiro porque a torcida do Flamengo tem várias frases de impacto que poderiam ser utilizadas em situações dramáticas como está em que se encontra o futebol do clube. Segundo porque, além de tudo, ela anda falhando muito com o clube a média de público não vem agradando os dirigentes (muito por conta dos altos valores cobrados em ingressos). Mesmo com palcos maiores do que os que o Corinthians joga (essencialmente Maracanã e Engenhão x Pacaembu e Arena Corinthians), a Nação Rubro-Negra ficou atrás em média de público nos últimos sete anos!

A briga seguiu com uma resposta corintiana que desarmou os rubro-negros. Mesmo com superioridade flamenguista em número de torcedores, segundo todas as pesquisas feitas no Brasil, isso não se traduz em presença no mundo digital. O Corinthians ganha do Flamengo em tudo quando se fala de internet e, em uma discussão dentro desse universo, o que vale são os números. Veja a resposta do Corinthians.

As pesquisas e a teoria podem até falar que não, mas a prática mostra que a Fiel é a maior do Brasil! Boa noite a corinthianos e flamenguistas.#AquiéCorinthians

Posted by SC Corinthians Paulista on Segunda, 29 de junho de 2015

Passado isso, o Flamengo desistiu de responder. Talvez por ter perdido o argumento, o "fio da miada" ou chegado a conclusão de que não valeria a pena entrar em uma discussão sem razão e na qual certamente perderia. "Se apropriar" de uma frase dos caras foi o mesmo que cantar uma música dos rivais do Rio. Eu, como flamenguista, fiquei p*** da vida com esse post.

Fazendo uma analise mais a fundo ainda, o twitter Marketing Esportivo (@mkt_esportivo), referência na área digital, falou algo que vem sendo assunto durante a semana. Como o rubro-negro destoa das outras equipes no Facebook, mesmo com incríveis 9,8 milhões de curtidas. Veja o que eles disseram:

Nas respostas, torcedores que se identificam como publicitários, marketeiros e profissionais da área também se mostraram indignados com a forma como estão sendo conduzidas as redes sociais rubro-negras na internet. Não é fácil lidar com a paixão de milhões de torcedores nas redes sociais. Queria saber qual o alcance dessas postagens e avaliar qual porcentagem que são atendidos com os likes. A direção se mostra satisfeita? Não sei, mas a cobra deve ter fumado lá na Gávea depois desta confusão digital.

Em tempo, um clube do tamanho do Flamengo realmente merece um social media mais qualificado para a função. Ou que, pelo menos, não "force" curtidas absurdas de um público cada vez mais esperto e necessitado por informações. Que tal pegar umas dicas com a Prefeitura de Curitiba?


Lucas Soares é natural de Juiz de Fora, jornalista formado pelo Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora em dezembro de 2012 e pós-graduado em Jornalismo Multiplataforma na Universidade Federal de Juiz de Fora. Apaixonado por futebol, repórter no portal Acessa.com e Editor-chefe do blog Flamengo em Foco. Já atuou em veículos impressos da cidade e como assessor de imprensa na PJF e na Câmara Municipal.

Lucas Soares Lucas Soares 6/07/2015

A briga nas redes de Corinthians e Flamengo

Na última segunda-feira, 29 de junho, um post no Facebook oficial do Flamengo gerou revolta em torcedores rubro-negros e corintianos. Ao colocar uma imagem da arquibancada do Maracanã com os dizeres "Eu nunca vou te abandonar", frase eternizada pela torcida corintiana após a queda à Série B em 2007, a imagem despertou a ira das duas maiores torcidas do Brasil e travou uma "batalha virtual", com direito à respostas de ambos os lados. Veja o post que originou a "briga".

Porque eu sou Flamengo ontem, hoje e SEMPRE!

Posted by Clube de Regatas do Flamengo on Domingo, 28 de junho de 2015

Só que o Rubro-Negro errou feio nessa. Muito feio. Primeiro porque a torcida do Flamengo tem várias frases de impacto que poderiam ser utilizadas em situações dramáticas como está em que se encontra o futebol do clube. Segundo porque, além de tudo, ela anda falhando muito com o clube a média de público não vem agradando os dirigentes (muito por conta dos altos valores cobrados em ingressos). Mesmo com palcos maiores do que os que o Corinthians joga (essencialmente Maracanã e Engenhão x Pacaembu e Arena Corinthians), a Nação Rubro-Negra ficou atrás em média de público nos últimos sete anos!

A briga seguiu com uma resposta corintiana que desarmou os rubro-negros. Mesmo com superioridade flamenguista em número de torcedores, segundo todas as pesquisas feitas no Brasil, isso não se traduz em presença no mundo digital. O Corinthians ganha do Flamengo em tudo quando se fala de internet e, em uma discussão dentro desse universo, o que vale são os números. Veja a resposta do Corinthians.

As pesquisas e a teoria podem até falar que não, mas a prática mostra que a Fiel é a maior do Brasil! Boa noite a corinthianos e flamenguistas.#AquiéCorinthians

Posted by SC Corinthians Paulista on Segunda, 29 de junho de 2015

Passado isso, o Flamengo desistiu de responder. Talvez por ter perdido o argumento, o "fio da miada" ou chegado a conclusão de que não valeria a pena entrar em uma discussão sem razão e na qual certamente perderia. "Se apropriar" de uma frase dos caras foi o mesmo que cantar uma música dos rivais do Rio. Eu, como flamenguista, fiquei p*** da vida com esse post.

Fazendo uma analise mais a fundo ainda, o twitter Marketing Esportivo (@mkt_esportivo), referência na área digital, falou algo que vem sendo assunto durante a semana. Como o rubro-negro destoa das outras equipes no Facebook, mesmo com incríveis 9,8 milhões de curtidas. Veja o que eles disseram:

Nas respostas, torcedores que se identificam como publicitários, marketeiros e profissionais da área também se mostraram indignados com a forma como estão sendo conduzidas as redes sociais rubro-negras na internet. Não é fácil lidar com a paixão de milhões de torcedores nas redes sociais. Queria saber qual o alcance dessas postagens e avaliar qual porcentagem que são atendidos com os likes. A direção se mostra satisfeita? Não sei, mas a cobra deve ter fumado lá na Gávea depois desta confusão digital.

Em tempo, um clube do tamanho do Flamengo realmente merece um social media mais qualificado para a função. Ou que, pelo menos, não "force" curtidas absurdas de um público cada vez mais esperto e necessitado por informações. Que tal pegar umas dicas com a Prefeitura de Curitiba?


Lucas Soares é natural de Juiz de Fora, jornalista formado pelo Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora em dezembro de 2012 e pós-graduado em Jornalismo Multiplataforma na Universidade Federal de Juiz de Fora. Apaixonado por futebol, repórter no portal Acessa.com e Editor-chefe do blog Flamengo em Foco. Já atuou em veículos impressos da cidade e como assessor de imprensa na PJF e na Câmara Municipal.