• Assinantes
  • Esporte
    Sexta-feira, 23 de dezembro de 2011, atualizada às 11h40

    UFJF perde em casa para o RJX e cai para décima posição na tabela

    Da Redação
    Foto do jogo

    O time de vôlei da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) perdeu a última partida do ano, em casa, para o RJX, na noite de quinta-feira, 22 de dezembro, e caiu para a décima posição na tabela de classificação da Superliga de Vôlei Masculino. O RJX derrotou a equipe juiz-forana por 3 sets a 0, com parciais de 25 x 18, 28 x 26 e 25 x 21.

    Com o resultado, a UFJF fica a duas posições na tabela para alcançar a chance de jogar os play-off. Só oito das doze equipes seguem para a próxima fase. A fase classificatória da competição vai até março de 2012.

    O jogo

    UFJF começou a partida com Clinty, Brasília, Folle, Léo, Digão, Jardel e o líbero Juliano. Clinty foi o que mais pontuou no set, fazendo cinco pontos, sendo três de ataque, um de contra-ataque e um de saque. O RJX, no entanto, soube jogar nos erros da equipe da casa, controlando a partida desde o início. O set terminou em 25 a 18 para o time carioca, com 26 minutos de partida.

    O segundo set foi o mais emocionante do jogo, com cada ponto a partir do 21º ponto, disputado entre os times. Depois de chegar à reta final em desvantagem de 24 a 21, a UFJF conseguiu uma recuperação, empatando em 24 a 24. As equipes foram confirmando os seus ataques, até o RJX fechar em 28 a 26.

    A UFJF conseguiu abrir cinco pontos de vantagem no início do terceiro set, com dois bloqueios seguidos de Jardel. Os juiz-foranos chegaram a abrir em 8 a 3. Na segunda parada técnica, o placar também estava a favor da UFJF, em 16 a 14. A partida ficou equilibrada até o placar de 20 a 20, quando — pela primeira vez no set — o RJX virou e acabou vencendo por 25 a 21.

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.