Sexta-feira, 1º de novembro de 2014, atualizada às 17h20

Trinta e cinco atletas de Juiz de Fora vão participar da etapa de Búzios do XC Run

Lucas Soares
Repórter

A etapa do XC Run, em Búzios, contará com a participação de 35 atletas da VidAtiva Consultoria, de Juiz de Fora. A maratona, que acontece neste sábado, 1º de novembro, terá percursos em três categorias, podendo ser realizado em Solo, Dupla ou Quarteto, proporcionando a participação de atletas de diversos níveis de condicionamento ou objetivo.

Segundo o professor da VidAtiva Gláucio Monte-Mór, as provas de cross country caracterizam-se por corridas realizadas em percursos de gramados, areias e trilhas, e que podem contar com obstáculos naturais a serem transpostos. "Como todo ano, levamos muita gente. É uma prova grande, de 42 km, só que não precisa ser feita sozinha, necessariamente. Pode ser feita em dupla e em quarteto também. Estamos levando atletas em todas as categorias", explica.

Segundo o professor, a prova é considerada imprevisível. "É uma prova difícil, que tem terrenos de vários tipos, como praia, areia, gramado, escada, terra, além de enfrentar as condições climáticas, já que pode estar chovendo no momento da disputa. É imprevisível, não dá pra saber o tempo que os atletas irão concluir. O pessoal comprou a ideia, então vão estar todos juntos", afirma.

Ainda de acordo com Monte-Mór, os participantes estão bem preparados para concluir a prova. "Nenhum é atleta de ponta para ganhar a prova, de forma alguma, mas eles vão bem na prova. A expectativa é boa, Búzios é uma cidade turística, então vai muita gente por turismo e lazer também", comenta.

-
Sexta-feira, 1º de novembro de 2014, atualizada às 17h20

Trinta e cinco atletas de Juiz de Fora vão participar da etapa de Búzios do XC Run

Lucas Soares
Repórter

A etapa do XC Run, em Búzios, contará com a participação de 35 atletas da VidAtiva Consultoria, de Juiz de Fora. A maratona, que acontece neste sábado, 1º de novembro, terá percursos em três categorias, podendo ser realizado em Solo, Dupla ou Quarteto, proporcionando a participação de atletas de diversos níveis de condicionamento ou objetivo.

Segundo o professor da VidAtiva Gláucio Monte-Mór, as provas de cross country caracterizam-se por corridas realizadas em percursos de gramados, areias e trilhas, e que podem contar com obstáculos naturais a serem transpostos. "Como todo ano, levamos muita gente. É uma prova grande, de 42 km, só que não precisa ser feita sozinha, necessariamente. Pode ser feita em dupla e em quarteto também. Estamos levando atletas em todas as categorias", explica.

Segundo o professor, a prova é considerada imprevisível. "É uma prova difícil, que tem terrenos de vários tipos, como praia, areia, gramado, escada, terra, além de enfrentar as condições climáticas, já que pode estar chovendo no momento da disputa. É imprevisível, não dá pra saber o tempo que os atletas irão concluir. O pessoal comprou a ideia, então vão estar todos juntos", afirma.

Ainda de acordo com Monte-Mór, os participantes estão bem preparados para concluir a prova. "Nenhum é atleta de ponta para ganhar a prova, de forma alguma, mas eles vão bem na prova. A expectativa é boa, Búzios é uma cidade turística, então vai muita gente por turismo e lazer também", comenta.

Sexta-feira, 1º de novembro de 2014, atualizada às 17h20

Trinta e cinco atletas de Juiz de Fora vão participar da etapa de Búzios do XC Run

Lucas Soares
Repórter

A etapa do XC Run, em Búzios, contará com a participação de 35 atletas da VidAtiva Consultoria, de Juiz de Fora. A maratona, que acontece neste sábado, 1º de novembro, terá percursos em três categorias, podendo ser realizado em Solo, Dupla ou Quarteto, proporcionando a participação de atletas de diversos níveis de condicionamento ou objetivo.

Segundo o professor da VidAtiva Gláucio Monte-Mór, as provas de cross country caracterizam-se por corridas realizadas em percursos de gramados, areias e trilhas, e que podem contar com obstáculos naturais a serem transpostos. "Como todo ano, levamos muita gente. É uma prova grande, de 42 km, só que não precisa ser feita sozinha, necessariamente. Pode ser feita em dupla e em quarteto também. Estamos levando atletas em todas as categorias", explica.

Segundo o professor, a prova é considerada imprevisível. "É uma prova difícil, que tem terrenos de vários tipos, como praia, areia, gramado, escada, terra, além de enfrentar as condições climáticas, já que pode estar chovendo no momento da disputa. É imprevisível, não dá pra saber o tempo que os atletas irão concluir. O pessoal comprou a ideia, então vão estar todos juntos", afirma.

Ainda de acordo com Monte-Mór, os participantes estão bem preparados para concluir a prova. "Nenhum é atleta de ponta para ganhar a prova, de forma alguma, mas eles vão bem na prova. A expectativa é boa, Búzios é uma cidade turística, então vai muita gente por turismo e lazer também", comenta.