Carolina Lopes Carolina Lopes 6/01/2014

Treine sua equipe no início do ano

anapaulaAlgumas empresas neste início de ano sofrem com a típica queda das vendas. Então, porque não aproveitar o tempo ocioso dos empregados para capacitá-los profissionalmente realizando treinamentos em diversas áreas?

Tem sido muito comum, ultimamente, a insatisfação dos consumidores com relação aos atendimentos e, principalmente, a prestação de serviços das empresas de uma forma geral. Engana-se o empresário que pensa que seu negócio é venda de produtos e por isso foca a qualidade do mesmo. E o serviço de entrega da empresa? E o serviço de instalação? E o pós-venda? Satisfazer o cliente não é apenas garantir qualidade no produto, o melhor preço no momento da venda ou encantá-lo com um bom atendimento antes da concretização do negócio. Foi se o tempo em que o objetivo principal da empresa era apenas gerar lucro. Sim, uma empresa que tenha fins lucrativos deve gerar lucro! Mas sem satisfazer seu cliente? Isso não é sustentável ao longo do tempo, pois apenas um cliente insatisfeito vale mais do que vários clientes satisfeitos.

Mas o empresário deve estar pensando, isso eu já sei! Mas então vem a pergunta: e o que você tem feito para melhorar a satisfação do seu cliente? Não basta apenas ter boas intenções e ter feito todo planejamento para iniciar o ano de forma diferente. É preciso Agir! Planejamento sem ação e sem monitoramento sistemático não funciona. Primeiro, defina as necessidades de treinamento, quais áreas, quais profissionais, quais empresas devem ser treinadas? Depois faça o projeto e o planejamento de como será esse treinamento. Pode ser que existam pessoas capacitadas dentro da própria empresa que podem ministrar pequenos cursos ou palestras, isso já diminui o custo! E então é só colocar em prática e monitorar sempre avaliando se os resultados estão sendo satisfatórios, para se for o caso replanejar, mas nunca desistir.

Inicio de ano pode ser um bom momento para investir em capacitação das equipes. Isto sim pode ser um diferencial em um mercado de grande concorrência. Pois garantir o menor preço, nem sempre é tudo! Essa estratégia pode ajudar o empresário a se organizar financeiramente, mas a enxergue como uma estratégia de curto prazo e temporária e não exclusiva. Tente pensar no longo prazo e em outras ações combinadas a ela, pois têm muitos consumidores que pagariam bem por ter um bom serviço, um bom atendimento, se tivessem a garantia de que não teriam grandes problemas no pós-venda! Pense nisto e treine sua equipe! Não seja apenas diferente, seja o melhor, atualize-se!


Carolina Lopes é Mestranda em Economia Empresarial, graduada em Administração e Ciências Contábeis com MBA em Finanças. Especialista em Docência para Educação Profissional. Professora do Curso Superior de Ciências Contábeis e do Curso Técnico em Administração na Fundação Educacional Machado Sobrinho. Atua como Consultora Empresarial realizando projetos de Assessoria Financeira; Avaliação de Empresas; Implantação de Controles Financeiros Básico; Planejamento Financeiro; Plano de Negócios; Projetos de Financiamento; Reestruturação Financeira e Viabilidade de Negócio. Ministra Palestras e Treinamentos com temáticas voltadas para gestão de negócios.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.