• Assinantes
  • Autenticação
  • Negócios
    Sexta-feira, 16 de março de 2012, atualizada às 18h55

    Fevereiro de 2012 tem saldo positivo de empregos, gerando 99 postos

    Jorge Júnior
    Repórter
    carteira_de_trabalho

    O mês de fevereiro em Juiz de Fora, diferentemente do que no ano passado, registrou um saldo positivo na geração de empregos, criando 99 postos, enquanto no mesmo período de 2011, o balanço de admitidos e admitidos foi de -112.

    O número de admitidos em fevereiro de 2012 foi equivalente a 5.664, contra 5.565 desligamentos. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira, 15 de março, pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho (MTE). A taxa de crescimento é de 0,08%.

    A área de serviços foi a que teve o maior saldo, fechando em 526 novos empregos. O setor contratou 2.952 trabalhadores, contra 2.426 desligamentos, sendo o que também mais demitiu, segundo o Caged. O setor da Construção Civil aparece em segundo lugar na geração de emprego, com um saldo de 26 postos. Na área, foram 644 admissões, contra 618 demissões.

    O comércio fechou fevereiro com um saldo negativo de 344, admitindo 1.328 empregados e demitindo 1.672 trabalhadores, ficando em primeiro lugar no número de desligamentos no município. "Nesta época do ano, esse cenário é comum. O comércio estava enfrentando uma dificuldade na mão de obra e faltava esse equilíbrio, acredito que a queda deve permanecer durante o mês de março, mudando a partir de abril, com as contratações devido ao Dia das Mães", avalia o presidente do Sindicato do Comércio (Sindicomércio) de Juiz de Fora, Emerson Beloti.

    Em segundo lugar no número de desligamentos, a Indústria de Transformação fechou em -90, admitindo 694 pessoas e demitindo 784.

    Minas Gerais

    No mesmo período, de acordo com os dados do Caged, Minas Gerais teve saldo de emprego de 21.031. O segmento do serviço foi o que mais gerou vagas no estado, criando 12.301 postos de trabalho. Em segundo lugar, a área da construção civil criou para os mineiros 5.871 empregos. Na estatística, o comércio foi o único setor que ficou com o saldo negativo, com -1.824, admitindo 38.679 e demitindo 40.503.

    Os textos são revisados por Mariana Benicá

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.