Juiz de Fora - MG

Segunda-feira, 14 de março de 2016, atualizada às 17h20

Manifestantes marcam ato unificado em apoio ao governo da Dilma na Praça da Estação

foto

Em apoio a democracia e contra um possível golpe ao mandato da presidenta Dilma Rousseff (PT), mobilizações de bases e ativistas dos partidos PT e PCdoB, que integram o grupo 'Frente Brasil Popular', farão uma manifestação na próxima sexta-feira, 18 de março, em vários estados do Brasil. Em Juiz de Fora, o 'Dia Nacional de Mobilização Contra o Golpe e em Defesa da Democracia', evento criado no Facebook, têm 102 pessoas confirmadas até o momento. A concentração está marcada para as 17h30, na Praça da Estação, e, em sequencia, subirá o Calçadão até o Parque Halfeld.

Para o presidente do PT no município, Giliard Tenório, o ato unificado visa fazer uma denúncia à população sobre um golpe constituído através da conjuntura de forças operantes, do vazamento de delações premiadas e ações da Polícia Federal em torno do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. "Achamos natural que as pessoas se manifestem. Nós, de esquerda, lutamos para que todos tivessem o direito a livre manifestação. Mas, o que vemos, é uma orquestração para derrubada do governo Dilma e PT, democraticamente eleito. O ato denuncia este golpe, apontando para o cuidado com a democracia, duramente conquistada", afirma.

As hashtags que representam o evento no Facebook são #NãoVaiTerGolpe #LulaValeALuta, já nos detalhes a organização destaca que "há um novo Brasil em formação. Um Brasil onde não há mais fome, o salário é mais digno, o filho do pedreiro tem chance de ser engenheiro e a casa própria já é realidade para muitos. Tudo isso só foi possível porque, depois de muita luta, retomamos o caminho da Democracia. E agora, todas essas conquistas estão em risco."

Além disso, o texto fala que a "atual crise política é fruto da reação daqueles que não aceitam essa nova realidade. Como não conseguem ganhar nas urnas, não se envergonham de usar qualquer meio, mesmo que ilegal, para tomar o poder - como tentar depor uma presidenta eleita pelo povo".

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.