Segunda-feira, 22 de novembro de 2010, atualizada às 18h50

Combate à dengue em JF ganha reforço com atuação de força-tarefa

Aline Furtado
Repórter
Combate à dengue

Começou, nesta segunda-feira, 22 de novembro, a força-tarefa para combater a dengue em Juiz de Fora. Ao todo, vinte e seis homens do Exército já estão atuando na cidade. As ações, organizadas pela Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) e pelo governo do Estado, tiveram início pela região Nordeste, no bairro Centenário, área descoberta pelo programa Estratégia Saúde da Família.

Oitenta homens foram treinados para atuar na cidade até o mês de março, combatendo larvas do mosquito Aedes aegypti. Além do Exército, há 152 agentes de combate a endemias e 421 agentes comunitários trabalhando no combate. Na próxima terça-feira, dia 23, uma equipe de 26 agentes da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) deve chegar à cidade, reforçando o contingente.

"Cada um deve fazer a sua parte, afinal, o ambiente está propenso à proliferação do mosquito da dengue", destaca o subsecretário de Vigilância em Saúde, Ivander Mattos Vieira, lembrando do calor registrado na cidade durante o final de semana, após um período chuvoso. "Esta é a condição ideal para a reprodução."

Nos dias 28, 29 e 30 deste mês, serão realizadas ações, como distribuição de panfletos, a fim de despertar a atenção da população dos moradores sobre o risco de nova epidemia de dengue em Juiz de Fora. Este ano, a cidade registrou 9.439 casos da doença, com 17 óbitos.

Os textos são revisados por Thaísa Hosken

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.