• Assinantes
  • Saúde
    Quinta-feira, 1 de dezembro de 2011, atualizada às 17h20

    Juiz de Fora registra queda no número de novos casos de Aids

    Victor Machado
    *Colaboração

    A cidade de Juiz de Fora registra queda no número de novos casos de Aids desde 2007. Naquele ano, foram registradas 153 notificações de casos positivos para a doença. Em 2008, foram 142, e em 2009, 91. Já em 2010 e 2011 foram registradas 58 e 34 notificações positivas para o HIV, respectivamente. Os dados do Programa Municipal DST/Aids da Secretaria de Saúde apontam tendência à estabilização na taxa de Aids no município.

    No entanto, dados da Secretaria de Estado de Saúde (SES), até novembro de 2011, apontam que, na Zona da Mata, são cerca de 3.100 casos e em Juiz de Fora, município com o maior número, são 2.194 pessoas infectadas. A cidade é a segunda do estado e perde apenas para o Belo Horizonte. Minas Gerais notificou 30.889 casos até novembro de 2011.

    De acordo com o último boletim divulgado pelo Ministério da Saúde (MS) sobre a doença, Juiz de Fora ficou fora do ranking dos cem municípios brasileiros com mais de 50 mil habitantes que apresentam as maiores taxas de incidência da doença.

    O Programa Municipal DST/Aids acredita que os trabalhos de prevenção realizados de forma estratégica, associados a projetos específicos, estudos epidemiológicos e parceria de instituições públicas e privadas, com oferta de serviços por meio do diagnóstico precoce, políticas de ação preventiva, entre outras ações, foram relevantes para os resultados.

    Dia mundial

    É comemorado neste dia 1º de dezembro o Dia Mundial da Luta Contra a Aids. Um estande foi montado no Centro de Juiz de Fora para estimular a prevenção da doenças, orientar a população do município, incentivar a realização de testes e diminuir o preconceito em relação aos portadores do vírus HIV. Ao todo, foram distribuídos cerca de 30 mil preservativos, além de materiais educativos.

    Segundo o auxiliar executivo da Coordenação do Programa DST Aids e Hepatites Virais, Wingley Aprigio, o movimento no estande aponta uma melhora na conscientização das pessoas. "As pessoas vieram até o estande para se informar. Isso mostra que o preconceito diminui bastante e hoje todos têm a preocupação em se prevenir e saber mais sobre a doença." A ação busca dar visibilidade às informações sobre a contaminação, tratamento e cuidados, discutir as questões relacionadas à vulnerabilidade ao HIV na população prioritária.

    Testagem

    Desde a implantação do CTA, em 1996, foram realizadas 37.066 investigações sorológicas, que foram responsáveis por mais de 50% dos diagnósticos em Juiz de Fora e na macrorregião. Os testes para a descoberta da doença podem ser realizadas na sala do Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), no 7º andar do Pam Marechal. O resultado do exame de sangue é divulgado no dia seguinte e a pessoa não precisa se identificar e não há restrições.

    Centro de Referência será instalado na avenida dos Andradas

    Um Centro de Treinamento e Referência em DST/Aids será instalado na avenida dos Andradas, a partir de maio de 2012. O espaço ocupará o antigo Pronto Socorro Municipal, que passa por reformas orçadas em R$ 2,9 milhões. O centro terá infraestrutura para abrigar e monitorar o serviço de infectologia e hepatites virais do município, como proposta do Ministério da Saúde. O serviço vai contar, também, com a construção de um anfiteatro para treinamento de profissionais e orientação para o usuário. No local, também funcionará o Departamento de Vigilância Sanitária de Juiz de Fora.

    *Victor Machado é estudante do 8º período de Comunicação Social da Faculdade Estácio de Sá

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.