• Assinantes
  • Autenticação
  • Saúde
    Terça-feira, 20 de maio de 2014, atualizada às 10h44

    Mais de 73 mil pessoas já foram vacinadas contra a gripe em JF

    A Secretaria de Saúde (SS) de Juiz de Fora informou que até a última segunda-feira, 19 de maio, 73.650 pessoas foram vacinadas contra a gripe em Juiz de Fora, um total de 53,40% do público-alvo que o Ministério da Saúde determinou para cada município - 80%.

    Como a campanha está prevista para acabar no próximo domingo, 25, a pasta disponibilizou no Parque Halfeld mais um ponto de distribuição das doses a partir desta terça-feira, 20.

    Segurança

    A vacina é segura e reduz as complicações que podem produzir casos graves da doença, internações ou, até mesmo, óbitos. Estudos demonstram que a vacinação contribui para a redução de até 32% a 45% o número de hospitalizações por pneumonias e de 39% a 75% a mortalidade por complicações da influenza.

    Após a aplicação da vacina, podem ocorrer, de forma rara, reações leves e passageiras, como dor no local da injeção, eritema e induração. A vacina é contraindicada apenas para pessoas com história de reação anafilática prévia em doses anteriores ou para pessoas que tenham alergia grave relacionada a ovo de galinha e seus derivados.

    Medidas de prevenção

    A vacinação contra gripe é uma ação de prevenção da gripe, mas não dispensa medidas básicas de proteção. São cuidados simples, como lavar as mãos várias vezes ao dia, cobrir o nariz e a boca ao tossir e espirrar, evitar tocar o rosto e não compartilhar objetos de uso pessoal.

    A transmissão da gripe acontece por meio do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Também ocorre por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos, nariz).

    Em caso de síndrome gripal (febre acompanhada de sintomas respiratórios como tosse e dor na garganta), deve-se procurar um serviço de saúde o mais rápido possível, especialmente se a pessoa integra um dos grupos de maior vulnerabilidade para complicações, mesmo que tenha tomado a vacina. Os sintomas da gripe são: febre, tosse ou dor na garganta, além de outros, como dor de cabeça, dor muscular e nas articulações. Já o agravamento ou complicação de um quadro de gripe pode ser identificado por falta de ar, febre que dura mais de três dias, piora de sintomas gastrointestinais, dor muscular intensa e prostração.

    Com informações da Secretaria de Saúde

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Publicitário

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.