• Assinantes
  • Autenticação
  • Só Sabor
    Felipe Reis Felipe Reis 5/10/2012

    Receita relembra o sabor da infância

    Felipe ReisQuem não ficou todo lambuzado de caramelo quando criança? É difícil encontrar alguém que não.

    Em um desses momentos em que a gente revive nossa infância, me deu vontade de comer caramelo, que, para mim, é uma dessas coisas irresistíveis em qualquer idade. Para não fazer um doce de caramelo, preferi algo mais prático nessa minha releitura, e que pode ser melhor aproveitado no dia a dia: uma deliciosa xícara de calda matou essa vontade por alguns dias e através de várias receitas.

    Direto da geladeira ela é mais consistente, mas ainda fluida, sem endurecer demais. Dá para comer de colher. Aquecido, o caramelo se torna mais líquido e perfeito para comer com frutas ou sorvete. Pode ser usado também na pipoca (claro que fiz isso!), para comer com pães e bolos ou ainda para aromatizar um café preto depois de pronto.

    Para os mais audaciosos, é uma base perfeita ao fazer o molho para a salada, por exemplo. Vale a pena arriscar.

    Agora, você sabia que para fazer essa calda é tão fácil e rápido, não mais do que quinze minutos?

    Vamos lá?

    Ingredientes

    3/4 de xícara de açúcar

    1/4 de xícara de água

    1-3 colheres de sopa de manteiga com sal

    1 xícara de creme de leite

    1/2 colher de sopa de essência de baunilha

    ¼ de colher de chá de sal

    Passo a passo

    Misture 3/4 de xícara de açúcar e 1/4 de xícara de água em uma panela. Evite panelas antiaderentes. Você controla o ponto do caramelo mais pelo olho, pela cor que ele ganha na panela. Assim, se usar uma antiaderente ou escura pode perder o ponto e queimar o caramelo, o que não tem conserto.

    No fogo baixo e, de preferência, com utensílio de madeira ou silicone, mexa constantemente até que o açúcar se dissolva. Não deixe ferver de maneira alguma. Por isso, lembre-se de deixar o fogo bem baixo e misturar sempre.

    O próximo passo é o contrário. Quando o açúcar tiver dissolvido por completo, aumente o fogo para médio/alto e deixe ferver. Sem mexer, no entanto. O máximo que pode fazer é pegar a panela pela alça e girá-la lentamente para misturar a calda. E só. Mexer nesse momento pode cristalizar a calda depois.

    Assim que levantar fervura, meça uma xícara de creme de leite e aqueça. Para fazer caramelo o ideal é o uso do creme de leite fresco, encontrado em supermercados no setor de laticínios e derivados do leite. Essa prioridade se deve ao seu alto teor gorduroso – algo entre 40% de gordura, enquanto o de lata tem 25% e o de caixinha fica próximo a 20%.

    A calda continuará a escurecer. Fique de olho para não queimar.

    Assim que atingir uma cor âmbar – um tom dourado escuro, alaranjado – retire do fogo e imediatamente misture uma colher de sopa de manteiga com sal, se você tiver utilizado o creme de leite fresco. Caso use o de lata, use duas, e, se escolheu o de caixinha, aumente para três colheres.

    Misture e não se assuste. Como a temperatura está muito elevada, assim que acrescentar a manteiga vai começar a borbulhar muito forte. Utilize um utensílio com cabo comprido para evitar se queimar com os espirros das bolhas.

    Coloque um pouco do creme de leite aquecido e continue mexendo até ficar com uma consistência cremosa.

    Acrescente meia colher de sopa de essência de baunilha e o resto do creme de leite.

    Para quem usou o creme de leite fresco, coloque ¼ de colher de chá de sal. Se quiser pode usar metade do sal agora e a outra depois que tiver esfriado. Quem usou os outros cremes pode colocar uma pitada só depois que esfriar, pois a manteiga já contém sal.

    Ao esfriar, engrossará um pouco e se tornará mais espesso.

    Dica: Em momento nenhum raspe os lados da panela. Essa crosta de açúcar que se forma, de volta no caramelo vai açucarar tudo.

    Guarde em um frasco esterilizado na geladeira por até três meses. Em temperatura ambiente, por um mês.

    Aproveite!


    Felipe Reis é jornalista, pós-graduando em Comunicação Empresarial, trabalha com consultoria de comunicação na área política e aventura-se pela cozinha. Acredita que cozinhar é uma saída criativa que desperta os sentidos no fim de longos dias.

    3/4 de xícara de açúcar 1/4 de xícara de água 1-3 colheres de sopa de manteiga com sal 1 xícara de  creme de leite 1/2 colher de sopa de essência de baunilha ¼ de colher de chá de sal

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.