• Assinantes
  • Autenticação
  • Turismo
    Quarta-feira, 31 de março de 2010, atualizada às 12h

    Movimento nas rodovias federais pode aumentar 60% na Semana Santa

    Pablo Cordeiro
    *Colaboração

    Para aqueles que pretendem sair de Juiz de Fora para curtir o final de semana prolongado decorrente do feriado da Semana Santa, a recomendação é ter cuidado com a alta velocidade e com o fluxo de veículos nas rodovias. Segundo a estimativa da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o movimento deve aumentar 60%, comparando com os dias normais. "Essa porcentagem é esperada, principalmente, para domingo, quando os veículos que saíram na quinta e na sexta estarão voltando para a cidade", explica o inspetor Wallace Wischansky. A Operação Nossa Semana Santa 2010 terá início na quinta-feira, 1º de abril, às 10h, e término no domingo, 4, às 24h.

    De acordo com o inspetor, a alta velocidade é a grande vilã das estradas. "Às vezes, não registramos velocidades muito altas, mas incompatíveis com os trechos. Por isso, muitos motoristas não conseguem fazer as curvas", destaca. O inspetor também alerta para as ultrapassagens em pistas duplas, comuns na BR-040, e, principalmente, para aquelas em rodovias de apenas uma pista de rolamento, com maior frequência na BR-267.

    Para coibir as imprudências e garantir a segurança dos viajantes, a PRF irá utilizar dez etilômetros a fim de fiscalizar o nível alcoólico dos motoristas. Serão usados também um equipamento que verifica os antecedentes do motorista no momento da autuação e radares fotográficos móveis nas áreas mais críticas. Um helicóptero estará em Belo Horizonte disponível para a fiscalização em todo o Estado.

    Trechos perigosos

    Conforme Wischansky, a atenção dos motoristas deve estar voltada para as curvas e trechos sinuosos, principalmente na BR-040, entre Juiz de Fora e Barbacena. Na Serra da Mantiqueira, o alerta é para aclives e declives e para a velocidade máxima que não ultrapassa os 110 km/h. Na BR-267, o inspetor destaca a saída para Bicas, próxima aos bairros Floresta e Retiro, onde existem curvas acentuadas e pista estreita de mão dupla. 

    Trechos críticos da BR-040
    TRECHO (KM) PONTO CRÍTICO (KM ) CARACTERÍSTICAS MUNICÍPIO
    650 - 660 652
    656*
    Queda de barreira no acostamento
    Curva acentuada
    Carandaí Cristiano Otoni
    710 - 720 712
    717*
    Curva acentuada BH – RJ
    Curva acentuada RJ – BH
    Trecho com cerração forte.
    Barbacena Barbacena
    730 - 740 732 Erosão – RJ - BH  
    740 – 750 741
    744
    745,9
    Curva acentuada BH – RJ
    Viaduto em Curva
    Viaduto em Curva
    Santos Dumont
    Santos Dumont
    Santos Dumont
    750 - 760 756
    758,9
    Viaduto de Ewbanck Curva acentuada Ewbanck da Câmara
    Ewbanck da Câmara
    780 - 790 780
    784
    Trevo com BR 267
    Trevo com BR 267
    Juiz de Fora
    Juiz de Fora
    810 - 820 815 * Curva acentuada BH - RJ Matias Barbosa
    820 – 828,9 828,9 Viaduto em Curva Simão Pereira
    * Alto índice de acidentes.

    fonte: PRF

    Em caso de acidentes, a PRF atende pelos telefones 191 e (32) 3257 0933.

    Rodovias estaduais e meio ambiente

    A Operação Semana Santa 2010 nas rodovias estaduais teve início nesta quarta-feira, 31, e será encerrada na segunda, 5. Além das intervenções policiais planejadas, com o objetivo de impedir ações criminosas diversas, a 4ª Companhia de Polícia Militar Independente de Meio Ambiente e Trânsito Rodoviário (4ª Cia PM Ind MAT) irá promover a fiscalização do meio ambiente. Os crimes ambientais de maior incidência no período são o comércio irregular de pescado, a captura e o tráfico de animais silvestres, muitas vezes configurados em rodovias e vias vicinais.

    Recomendações importantes
  • Planejamento da viagem – O motorista deve se informar sobre as distâncias que vai percorrer, condições do tempo, pontos de parada, existência de postos de combustíveis e de restaurantes à beira da estrada. Não esquecer documentação pessoal e do veículo;
  • Revisão preventiva – Providenciar a checagem do automóvel mesmo para pequenas viagens. Faróis acesos para ver e ser visto, pneus calibrados e em bom estado, motor revisado, com óleo e nível da água do radiador em dia. Não esquecer de verificar a presença e estado dos equipamentos de porte obrigatório, principalmente pneu estepe, macaco, triângulo e chave de roda, além dos limpadores de para-brisa e luzes do veículo;
  • Pausas para descanso – O condutor deve programar paradas a cada 3 horas. Quem se expõe a muitas horas dirigindo fica sujeito ao fenômeno da "hipnose rodoviária", na qual se mantém de olhos abertos, mas sem percepção da realidade à sua volta. Ela vem acompanhada de sonolência, perda de reflexos e de força motora;
  • Período noturno – Evitar circular à noite. Além da redução da visibilidade, é o horário em que os delinquentes mais se aproveitam para a prática de crimes;
  • Previsão do tempo – Procurar se informar sobre as condições do tempo nos lugares por onde vai passar. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) disponibiliza gratuitamente informações sobre o clima no endereço www.inmet.gov.br;
  • Atenção redobrada – Observar as placas que indicam os limites de velocidade e as condições de ultrapassagem. Tais placas não foram colocadas naquele ponto da estrada sem motivo. Nos trechos em obras, o motorista deve reduzir a velocidade e obedecer a sinalização local;
  • Em caso de chuva - Acender o farol baixo, pois além de melhorar a visão, o veículo de trás poderá se guiar melhor com as luzes traseiras e evitar uma colisão. É preciso  diminuir a velocidade, manter distância de segurança do veículo à frente e não fazer manobras perigosas. Se achar aconselhável parar o veículo, procurar um lugar seguro, fora da rodovia, pois o acostamento só deve ser usado em caso de emergência.
  • Fonte: PRF

    *Pablo Cordeiro é estudante do 10º período de Comunicação Social da UFJF

    Os textos são revisados por Madalena Fernandes

    Enquete
    Qual fator mais causa acidentes nas rodovias?
      Desrespeito às leis
      Alta velocidade
      Embriaguez
      Chuva
      Má condição da pista
      Imprudência


    ATENÇÃO: o resultado desta enquete não tem valor de amostragem científica e se refere apenas a um grupo de visitantes do Portal ACESSA.com.
    A Melhor Internet Está Aqui

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.