• Assinantes
  • Autenticação
  • Direitos Humanos

    Juiz-forana supera desafios ao dedicar-se ao trabalho voluntárioRenata Silva dedica-se, há quatro anos, ao serviço voluntário. A maior gratificação
    é ver as pessoas felizes

    Jorge Júnior
    Repórter
    15/3/2011
    projeto

    A juiz-forana Renata Silva, há quatro anos, presta serviços voluntários. "Estava em um momento difícil da minha vida, e a empresa em que eu trabalhava fazia doações ao Ceprom [Centro de Promoção do Menor de Juiz de Fora], então resolvi participar desse projeto", lembra.

     Segundo Renata, no início, ela ficou um pouco chocada com a situação dos assistidos, mas o tempo ajudou a lidar com situações diferentes do cotidiano. "Tudo é uma questão de tempo. Nada melhor do que o convívio com as pessoas que necessitam de atenção."

    A partir desse momento a voluntária abraçou a causa e atualmente ajuda, com doações de alimentos, visitas e brincadeiras, ao Ceprom, à Casa do Aconchego, ao Educandário Carlos Chagas, ao Grupo Casa, além de fazer visitas aos hospitais da cidade com o Projeto Sorrir, que ela trouxe para Juiz de Fora, há aproximadamente dois anos. Para Renata, o mais gratificante é poder lidar com a diferença. "A gente acha que tem problemas na vida e vê que tem gente em situação pior."

    Segundo a juiz-forana, o serviço voluntariado é uma doação e toda pessoa é capaz. "É preciso ser livre de preconceitos, ter boa vontade e coração aberto." Renata destaca que o momento mais importante durante este período, foi ver uma criança que sofreu abuso, ser adotada por uma família da cidade. "Até hoje mantemos contato, isso é muito bom."

    Retorno

    "É uma realização pessoal, eu me sinto mais útil depois que eu comecei. Sou mais feliz", revela. A voluntária diz que, quando começou a ajudar o Ceprom, as crianças eram mais retraídas, hoje elas são mais carinhosas e até melhoraram no rendimento escolar. No hospital, os doentes tinham um pouco de receio. Agora, ela sente que eles gostam. "Eles sentem-se acolhidos e seguros." Renata garante que pretende continuar ajudando o próximo e que sempre vai arrumar um tempo para os trabalhos voluntários.

    Os textos são revisados por Thaísa Hosken

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.