Lucas Soares Lucas Soares 20/10/2014

Hora de unir as forças

O Tupi vai fazer o jogo mais importante da sua história no próximo sábado, 25 de outubro. O adversário será o Paysandu, em partida válida pela jogo de volta das quartas-de-final da Série C 2014. Quem passar, vai disputar a Série B em 2015.

O Carijó não tem uma tarefa complicada. Basta vencer sem sofrer gols e a inédita vaga estará garantida. É a partida de maior carga emocional da temporada, talvez mais importante até que a final da competição. Ano passado, por exemplo, o time juiz-forano perdeu nas semifinais da Série D para o Juventude, mas o objetivo principal, que era a subida, já tinha sido alcançado.

O adversário é o tradicional Paysandu, de Belém (PA), que já figurou entre as principais divisões do futebol brasileiro por várias vezes, foi até a Série C e conseguiu subir em 2012. Foi novamente rebaixado em 2013 e agora luta para voltar à segunda divisão principal. Conseguiu uma improvável classificação para enfrentar o Tupi, venceu o jogo de ida em casa, mas terá desfalques importantes para jogar em Juiz de Fora.

Eu acredito no Tupi. É um time melhor preparado, tanto que ficou entre os principais na fase classificatória. Terá a força da torcida, que certamente vai lotar o Helenão em busca da inédita vaga para Juiz de Fora. É hora de unir as forças: torcida, time, diretoria e órgãos públicos. Se a vaga vier, o Tupi será alçado à um plano jamais visto em Juiz de Fora. Com mais investimentos, reconhecimento nacional, transmissão de TV e jogos contra times importantes na cidade. Vai, Galo! Vai que dá!


Lucas Soares é natural de Juiz de Fora, é jornalista formado pelo Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora em dezembro de 2012 e apaixonado por futebol. Atualmente, é aluno de pós-graduação em Jornalismo Multiplataforma na Universidade Federal de Juiz de Fora, Repórter no portal Acessa.com e Editor-chefe do blog Flamengo em Foco. Já atuou em veículos impressos da cidade e como assessor de imprensa na PJF e na Câmara Municipal.

Lucas Soares Lucas Soares 20/10/2014

Hora de unir as forças

O Tupi vai fazer o jogo mais importante da sua história no próximo sábado, 25 de outubro. O adversário será o Paysandu, em partida válida pela jogo de volta das quartas-de-final da Série C 2014. Quem passar, vai disputar a Série B em 2015.

O Carijó não tem uma tarefa complicada. Basta vencer sem sofrer gols e a inédita vaga estará garantida. É a partida de maior carga emocional da temporada, talvez mais importante até que a final da competição. Ano passado, por exemplo, o time juiz-forano perdeu nas semifinais da Série D para o Juventude, mas o objetivo principal, que era a subida, já tinha sido alcançado.

O adversário é o tradicional Paysandu, de Belém (PA), que já figurou entre as principais divisões do futebol brasileiro por várias vezes, foi até a Série C e conseguiu subir em 2012. Foi novamente rebaixado em 2013 e agora luta para voltar à segunda divisão principal. Conseguiu uma improvável classificação para enfrentar o Tupi, venceu o jogo de ida em casa, mas terá desfalques importantes para jogar em Juiz de Fora.

Eu acredito no Tupi. É um time melhor preparado, tanto que ficou entre os principais na fase classificatória. Terá a força da torcida, que certamente vai lotar o Helenão em busca da inédita vaga para Juiz de Fora. É hora de unir as forças: torcida, time, diretoria e órgãos públicos. Se a vaga vier, o Tupi será alçado à um plano jamais visto em Juiz de Fora. Com mais investimentos, reconhecimento nacional, transmissão de TV e jogos contra times importantes na cidade. Vai, Galo! Vai que dá!


Lucas Soares é natural de Juiz de Fora, é jornalista formado pelo Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora em dezembro de 2012 e apaixonado por futebol. Atualmente, é aluno de pós-graduação em Jornalismo Multiplataforma na Universidade Federal de Juiz de Fora, Repórter no portal Acessa.com e Editor-chefe do blog Flamengo em Foco. Já atuou em veículos impressos da cidade e como assessor de imprensa na PJF e na Câmara Municipal.

-
Lucas Soares Lucas Soares 20/10/2014

Hora de unir as forças

O Tupi vai fazer o jogo mais importante da sua história no próximo sábado, 25 de outubro. O adversário será o Paysandu, em partida válida pela jogo de volta das quartas-de-final da Série C 2014. Quem passar, vai disputar a Série B em 2015.

O Carijó não tem uma tarefa complicada. Basta vencer sem sofrer gols e a inédita vaga estará garantida. É a partida de maior carga emocional da temporada, talvez mais importante até que a final da competição. Ano passado, por exemplo, o time juiz-forano perdeu nas semifinais da Série D para o Juventude, mas o objetivo principal, que era a subida, já tinha sido alcançado.

O adversário é o tradicional Paysandu, de Belém (PA), que já figurou entre as principais divisões do futebol brasileiro por várias vezes, foi até a Série C e conseguiu subir em 2012. Foi novamente rebaixado em 2013 e agora luta para voltar à segunda divisão principal. Conseguiu uma improvável classificação para enfrentar o Tupi, venceu o jogo de ida em casa, mas terá desfalques importantes para jogar em Juiz de Fora.

Eu acredito no Tupi. É um time melhor preparado, tanto que ficou entre os principais na fase classificatória. Terá a força da torcida, que certamente vai lotar o Helenão em busca da inédita vaga para Juiz de Fora. É hora de unir as forças: torcida, time, diretoria e órgãos públicos. Se a vaga vier, o Tupi será alçado à um plano jamais visto em Juiz de Fora. Com mais investimentos, reconhecimento nacional, transmissão de TV e jogos contra times importantes na cidade. Vai, Galo! Vai que dá!


Lucas Soares é natural de Juiz de Fora, é jornalista formado pelo Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora em dezembro de 2012 e apaixonado por futebol. Atualmente, é aluno de pós-graduação em Jornalismo Multiplataforma na Universidade Federal de Juiz de Fora, Repórter no portal Acessa.com e Editor-chefe do blog Flamengo em Foco. Já atuou em veículos impressos da cidade e como assessor de imprensa na PJF e na Câmara Municipal.