Últimas notícias

Grupo vendia medicamentos falsos a hospitais; paciente foi parar na UTI

Cinco pessoas foram presas por suspeita de envolvimento em um esquema de falsificação de remédios em Abadia de Goiás (GO).A denúncia chegou até a polícia após um paciente de um hospital de Goiânia parar na UTI por receber imunoglobulina falsa em um "hospital renomado" da região;As autoridades foram notificadas pela Anvisa sobre casos idênticos de medicamentos falsos no Brasil e as investigações foram iniciadas em abril de 2022;A polícia descobriu que uma empresa de fachada chamada Farma Med foi criada para vender os medicamentos falsos;Os medicamentos falsos eram vendidos para redes particulares, planos de saúde e até mesmo para estados brasileiros, informou a polícia;Filho e pai faziam os papéis de líder e gerente da empresa, operando com apoio logístico de outras duas pessoas e contando com a ajuda de um laranja;Eles trocavam mensagens combinando a remarcação da validade de medicamentos e publicando fotos de remédios com armazenamento inadequado;As prisões preventivas divulgadas pela Polícia Civil de Goiás ontem foram feitas no mês de março.

PF chegou a assessor de Lira ao seguir casal que fazia entregas em dinheiro vivo

A Polícia Federal chegou ao mais próximo assessor de Arthur Lira (PP-AL) após seguir o dinheiro movimentado pela Megalic, empresa suspeita de desviar verba de contratos de kits de robótica assinados no governo de Jair Bolsonaro (PL).Na investigação, iniciada a partir de reportagem da Folha publicada em abril do ano passado, a PF afirma ter descoberto que um casal de Brasília operava os desvios por meio de empresas de fachada, sendo que essas atuavam como receptoras de valores repassados pela Megalic.

HC inaugura ambulatório para tratar dependentes de opioides

O Hospital das Clínicas de São Paulo acaba de inaugurar o primeiro ambulatório do país destinado ao tratamento de dependentes de opioides, medicamentos com efeitos analgésicos e sedativos que, quando usados indevidamente, podem levar ao vício.A proposta é que o local receba tanto pacientes que se tornaram dependentes após tratamentos prescritos por médicos quanto aqueles fazem uso recreativo dessas substâncias.

Jade Picon faz terapia desde os 14 anos para lidar com as críticas

Convidada desta sexta-feira (2) no Encontro com Patrícia Poeta, a influenciadora Jade Picon relembrou o início da carreira na internet e a entrada na dramaturgia. Ela participou do BBB 22 e, após sair do reality show, estreou em seu primeiro papel como atriz em "Travessia" (Globo), novela das 21h de Gloria Perez.