Últimas notícias

Wallace, do vôlei, publica enquete perguntando quem daria 'tiro na cara' de Lula

Campeão olímpico pela seleção brasileira masculina de vôlei em 2016 e atualmente defendendo o Cruzeiro na Liga Nacional, Wallace é acusado de usar as redes sociais para disseminar a violência contra o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Uma enquete nos stories do Instagram do atacante perguntando se "alguém daria um tiro de 12 na cara do Lula" foi publicada e apagada logo em seguida, após vários internautas reclamarem da conduta do atleta.

Vetado por Lula na Ancine chefiou Cultura e fez viagem polêmica com Frias

Hélio Ferraz de Oliveira é um dos 18 nomes derrubados nesta terça-feira (31) pelo presidente Lula (PT), após terem sido indicados pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) para ocupar cargos no governo e em postos no exterior. O pedido de cancelamento, feito por Lula ao Congresso, foi publicado hoje no Diário Oficial da União.

'Não sabia o que levava', diz defesa de paraense presa com cocaína em Bali

A defesa da jovem brasileira presa em Bali, na Indonésia, após pousar no país com mais de três quilos de cocaína, afirmou que ela não sabia o que levava ao embarcar para o país asiático.Segundo o advogado Davi Lira, a paraense Manuela Vitória de Araújo Farias, 19, chegou a desconfiar da promessa de aulas de surfe em troca do transporte de uma encomenda até o país e tentou desistir, mas teria sido coagida por pessoas que a abordaram.

Lula diz que 'desgraceira' o levou a assinar decreto para retirar garimpeiros de território yanomami

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou nesta terça-feira (31) que a situação de "desgraceira" vivida por indígenas o levou a assinar um decreto que determina a retirada de garimpeiros da Terra Indígena Yanomami.Em seu discurso, Lula citou sua viagem a Boa Vista ao lado da ministra dos Povos Indígenas, Sônia Guajajara, no dia 21.

Americanas começa demissões no Rio de Janeiro

A Americanas, uma das maiores varejistas do país, que deu início à recuperação judicial no último dia 19, começou nesta terça-feira (31) os cortes de pessoal.A Folha apurou que as demissões começaram no Rio de Janeiro, sede da companhia, que foi fundada em 1927 por imigrantes americanos.